Alunos estrangeiros da Católica fazem voluntariado no Banco Alimentar

No dia 6 de fevereiro, os novos alunos estrangeiros da Católica no Porto foram convidados a participar numa iniciativa pioneira em Portugal, em linha com o que começa agora a ser feito noutras universidades europeias. Pela primeira vez, o programa de acolhimento incluiu a realização de uma atividade de voluntariado no Banco Alimentar.

Esta ação integra-se num projeto mais amplo que passa pela diversificação das oportunidades de experiências internacionais disponíveis para os estudantes das Unidades Académicas da Universidade Católica, no Porto, utilizando os processos de internacionalização para criar impacto positivo na comunidade local. Neste âmbito, estão a ser desenvolvidas novas parcerias, tendo em vista a criação de um Hub Internacional de Voluntariado, através do qual serão disponibilizadas atividades de voluntariado internacional para os alunos da Universidade e atividades de voluntariado em Portugal para estudantes estrangeiros.

Este projeto – pioneiro em Portugal – encontra-se alinhado com o que de mais inovador se faz em termos de internacionalização nas melhores universidades europeias. O objetivo central passa por permitir que todos os estudantes, independentemente das suas condições financeiras ou disponibilidade de tempo, possam ter acesso a experiências internacionais. Acrescente-se que, em 2019/2020, a percentagem de estudantes estrangeiros inscritos nas Unidades Académicas da Católica no Porto – Católica Porto Business School, Escola das Artes, Escola Superior de Biotecnologia, Faculdade de Direito, Faculdade de Educação e Psicologia, Faculdade de Teologia, Instituto de Bioética, Instituto de Ciências da Saúde - é de mais de 16 por cento, percentagem que tem vindo a aumentar de forma consistente nos últimos cinco anos.

As ações de teaming up são uma constante no acolhimento aos estudantes internacionais da Universidade, mas esta foi a primeira vez que estes alunos tiveram a oportunidade de participar num programa de voluntariado. Mais de 80 por cento dos estudantes participou nesta ação, o que comprova o interesse por este tipo de iniciativas.

Fevereiro 2020